1.
Silvestre GF, Coutinho PR, Freire DA. A “nulidade de algibeira” e a sua alegação pela parte a quem beneficia: estratégia processual abusiva e lesiva da boa-fé processual e do contraditório substancial. CPR [Internet]. 8º de maio de 2024 [citado 15º de junho de 2024];14(3). Disponível em: https://civilprocedurereview.com/revista/article/view/287